Dois passos e um soco no estômago

Posted in Uncategorized by Vinícius . on novembro 28, 2010

a música ao fundo dizia “we have no past, we won’t reach back”,

enquanto eu pisava nos nossos beijos e me perdia na lágrima muda dentro de mim.

dois passos nas nossas lembranças e um soco no estômago.

Posted in Uncategorized by Vinícius . on novembro 8, 2010

i can’t help myself

i can’t

Posted in Uncategorized by Vinícius . on novembro 5, 2010

estou na cama a mais tempo do que posso contar,

meus braços abertos doem a cada segundo batendo na porta.
a luz que entra pela janela cega meus olhos, vidrados.
algo maior que meu corpo parece estar aprisionado em algum lugar entre estômago e coração.
minha pele formiga.
a ausência enche o cômodo, de um canto a outro.
não há parte em mim que não esteja vibrando numa luta incessante.
não levanto.
meus pés não encontram o chão.
não há chão que baste.