Posted in Uncategorized by Vinícius . on junho 4, 2012

Colo meu,

é tão duro te ter perdido,

sem te ter sequer percebido,

sem direito nem mesmo ao grito,

 

a carne aqui é só ferida, metade, saudade.